MILLE MODAS

MILLE MODAS

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Em Irituia População faz manifestação em frente à Secretaria de Meio Ambiente




Na manhã desta sexta-feira dia 19, moradores da Rua Alça Viária, em Irituia, fecharam a Rua Coronel José Vieira, em frente à Secretaria de Meio Ambiente, com pneus, galhos e muito fogo.

A causa da manifestação é que há 3 meses estes moradores sofrem com a falta de água na rua. A prefeitura iniciou a obra, mas deixou inacabada. Segundo os manifestantes, ao tentar reclamar no Departamento de Água do município, um funcionário disse que se eles “quisessem água, era para esperar chover”.

Revoltados com a resposta decidiram interditar a via, que dá acesso ao município de Capitão Poço, fechando em frente à Secretaria e também em frente à casa do Presidente da Câmara, vereador Demico.

A Polícia Militar conteve a ação dos manifestantes. Três moradores foram buscar respostas junto a Prefeitura, na qual o Secretário de Transportes, João Puruá, afirmou que o problema será resolvido até a próxima sexta - feira dia 26.
Os manifestantes deixaram a ameaça de que se não for cumprido o prazo, voltarão a reivindicar radicalmente. A rodovia já está liberada.



SÃO MIGUEL DA GUAMÁ VOLTARÁ A TER O SERVIÇO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA PRIVATIZADO



Em sessão extraordinária, câmara de vereadores de São Miguel do Guamá autoriza prefeitura abrir nova licitação da terceirização do sistema de abastecimento de água no município.

O prefeito Cacau enviou solicitação à câmara no mês de Outubro. Porém após apreciação a matéria foi à votação somente na seção desta quinta feira dia 18.

A autorização foi aprovada com 14 votos, apenas o vereador Elias da Funerária se absteve.
Prefeitura de São Miguel do Guamá a partir de agora está liberada para abrir licitação para empresas que pretendam assumir o fornecimento de água no município.


É bom ressaltar que o serviço já tinha sido privatizado em governos anteriores, e que no governo que antecedeu ao do Cacau o contrato com a empresa Endicon foi quebrado pelo fato de que, a mesma não apresentou um trabalho satisfatório. 

Arma, choro, confusão, ameaças e a presença da Polícia Civil e Militar, assim foi o ultimo dia de atividade no ano da câmara de vereadores de São Miguel do Guamá


O clima ficou tenso na câmara de vereadores do município de São Miguel do Guamá, no nordeste paraense. O que seria pra ser um momento de confraternização e união por conta do período festivo alusivo ao Natal e final de ano acabou descambando para algo indigesto.

Segundo fonte fidedigna o vereador Andrey Monteiro-PDT ainda inconformado com o resultado que elegeu o vereador Junior Lira-PSDB, para presidente da casa para o biênio 2015/2016. Este se deixou ser tomado por forte emoção, e teria apontado uma arma para o vereador Jairo Brasil do PP, tudo por que o vereador Jairo votou na chapa encabeçada por Junior Lira, contrariando dessa forma Andrey Monteiro e o executivo.

Se a arma foi mostrada de brincadeira, convenhamos que foi uma brincadeira de mau gosto, e o vereador Andrey, como Policial, servidor público formado em direito deve saber que porta e expor arma de fogo é crime passivo a reclusão.

Segundo informações ontem, quinta feira dia 18, os vereadores Jairo e Andrey Monteiro voltaram a ficar cara a cara na câmara municipal, Andrey teria falado em alto som que Jairo Usava o seu talão de cheques e mesmo assim lhe traiu na votação da nova mesa diretora da casa.

Nesse momento o Vereador Jairo partiu pra porrada este foi pra cima do vereador Andrey, dando-lhe uma gravata, mas logo foi contido pelos seus companheiros que evitaram que a confusão fosse maior.
Andrey Monteiro estava descontrolado, chorava copiosamente, e chamou a Policia Civil e Militar, e ainda registrou um Boletim de Ocorrência de agressão contra o vereador Jairo Brasil.

Líder do Governo na Câmara e Secretaria de Promoção Social

Segundo relatos, na reunião de segunda feira dia 15, na sede do Ministério Público deste Município, entre os vereadores e a representante do Ministério Público, a promotora fez uma indagação ao posicionamento do vereador Andrey Monteiro, aja vista que o mesmo atacava o legislativo e defendia de forma estranha o executivo.

A promotora achou estranho o posicionamento do vereador Andrey Monteiro em defender o prefeito Cacau e imediatamente solicitou levantamentos de informações da situação da esposa do vereador Andrey Monteiro no executivo.

Segundo informações o vereador Andrey Monteiro teria dito que se sua esposa sair de onde está o Cacau a nomeará como Secretária de Promoção Social.

No seu discurso na tribuna da câmara Andrey Monteiro disse que a parti de primeiro de Janeiro será o novo líder do Governo na casa, assustando até a vereadora Ira que é a atual lide do governo, e também era do mesmo partido do prefeito, a vereadora Ira foi pego de surpresa. E como Andrey Monteiro que foi eleito com o Bordão Legislar e fiscalizar ele será o quarto líder do governo em apenas dois anos.
                                                                                                                       

Blog do Odecy Guilherme

Adolescente é massacrado e morto a golpes de terçado em Castanhal

Adolescente é massacrado e morto a golpes de terçado em Castanhal


Um adolescente, conhecido pelo apelido de “Nego Bala”, foi brutalmente assassinado a terçadadas na manhã desta quarta feira dia 18, em Castanhal, no nordeste paraense.
A vítima seria usuária de drogas e teria envolvimento com o mundo do crime. O assassino ainda está foragido.
           
Logo que clareou o dia de ontem, policiais militares receberam uma ligação anônima, via 190, dando conta que uma pessoa morta se encontrava caída nos fundos do quintal de uma residência situada na Rua Célia Maciel, no bairro Heliolândia.

O sargento Josemar se deslocou com sua equipe até o endereço e encontrou o corpo de um rapaz todo cortado. Tratava-se do adolescente Denilson de Souza Gusmão, o “Nego Bala”, de 17 anos.

“Ele foi morto com várias terçadadas pelo corpo. Os golpes deceparam o braço esquerdo e a orelha direita da vítima. Os golpes também atingiram as pernas, braços, costas e pescoço. O assassino deveria estar com muita raiva para provocar esse massacre”, contou Josemar.

O pai da vítima esteve no local e teria dito à polícia que seu filho seria usuário de drogas e que a família já teria tentado de todas as formas possíveis tirá-lo do vicio. A PM informou que o adolescente era conhecido pela prática de assaltos, principalmente contra coletivos.

Moradores da Rua Célia Maciel disseram que não perceberam movimentação estranha ou gritos de pedido de socorro durante a madrugada.

O crime está sendo investigado pelo delegado Patrício Pontes, titular da Divisão de Homicídios (D.H).

Reportagem: Tiago Silva



Criança de 11 anos ‘se’ suicida em Paragominas

corda


O pré-nome da menina é Jaqueline. Ontem quarta feira dia 18, pela manhã, segundo um dos seus coleguinhas, ela brincava alegremente e não dava nenhum vestígio de que iria cometer um ato tresloucado.

O que teria levado esta criança, de apenas 11 anos de idade e moradora do Bairro Sidilândia, em Paragominas, se suicidar?

O fato é que a cidade que tomou conhecimento desta morte prematura ficou abalada e procura respostas. Muitos esperam uma investigação mais aprofundada.

Alguns não acreditam que tenha sido mesmo suicídio, principalmente pela posição que ficou o corpo da criança. ‘O corpo foi encontrado quase de joelhos, em cima de uma cama e a mão direita segurava a cabeceira desta cama.

Uma corda no pescoço e o fim de uma vida que nem bem havia começado. Foi suicídio mesmo?

O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves deve dar uma resposta. A imagem desta morte corre de celular em celular, de grupo em grupo nas redes sociais e as dúvidas só aumentam. Quem sabe em poucos dias as respostas sejam dadas.


Jorge Quadros

Polícia Civil ouve depoimento de preso apontado por envolvimento em triplo homicídio em Capanema

Jonas Saraiva de Oliveira está preso

O delegado Eduardo Rollo ouve, nesta sexta-feira, 18, às 10 horas, o depoimento do preso Jonas Saraiva de Oliveira, de apelidos "Pato Rouco", "Pato da Caveira", e "Joninha", acusado de envolvimento em um triplo homicídio ocorrido em Capanema, nordeste paraense, em outubro deste ano. Ele foi preso, no domingo passado, no interior do Hospital Metropolitano, em Ananindeua, após ter sido baleado. O acusado está com mandado de prisão temporária decretado pela Justiça de Capanema em decorrência de inquérito policial. O depoimento será realizado na Divisão de Homicídios, da Polícia Civil. As vítimas são o ex-presidiário Antônio Deivission Maia Coimbra, o comerciante Daniel Monteiro da Silva e o mototaxista Ulisses Lima Maia. Os três foram baleados em 8 de outubro deste ano, no centro de Capanema.
A investigação se iniciou através do registro de Boletim de Ocorrência Policial. Na época dos crimes, o delegado Bruno Brasil Lima, da Polícia Civil de Capanema, deu início às investigações. Policiais civis da Divisão de Homicídios, sob coordenação do delegado Eduardo Rollo, foram deslocados até Capanema, para assumir as investigações. A equipe policial apurou que uma das vítimas, Antônio Deivisson, que era conhecido como "Deivinho", estava preso no Centro de Recuperação de Capanema, acusado de roubo qualificado e porte ilegal de arma de fogo. Após audiência em 6 de outubro, ele foi absolvido dos crimes e teve alvará de soltura expedido pela Justiça. O documento de soltura foi encaminhado ao oficial de Justiça no dia seguinte, às 17 horas, e repassado à direção do presídio Centro de Recuperação de Capanema, meia-hora depois. Após verificar que o preso não tinha outros mandados de prisão, ele foi liberado, no dia seguinte, às 11horas e 15 minutos.

Depois de deixar o presídio, Antônio Deivisson pegou um mototáxi e foi seguido pela dupla de criminosos usando capacete em uma moto. Dos quatro disparos feitos pelo pistoleiro, três acertaram Antonio Deivisson e uma acertou o mototaxista Ulisses. Os criminosos já fugiam, quando um deles percebeu que Antônio ainda estava vivo e assim retornaram ao local para consumar a execução. A vítima ainda chegou a correr para se esconder em uma casa, onde o atirador o encurralou. Nesse momento, a outra vítima, ao ouvir os disparos, Daniel Monteiro da Silva, abriu a janela da casa ao lado, mas foi surpreendido pelo motoqueiro, que atirou duas vezes contra Daniel, para não ser reconhecido. O homicida foi até Antônio e deu mais quatro tiros fatais. As investigações mostraram que os criminosos tinham informações privilegiadas, pois sabiam da saída de Antônio do presídio e assim planejaram a morte do presidiário.

No dia 9 de outubro, um dia após os crimes, o NIOP (Núcleo Integrado de Operações de Capanema) recebeu denúncia anônima que apontava Jonas Saraiva de Oliveira como suspeito de envolvimento nos homicídios. Segundo a denúncia, ele teria chegado à casa de uma mulher, logo após as mortes, e comentado com a moradora da residência que "precisava se esconder, pois havia feito besteira, já que era para matar um e acabou matando dois”. Após ouvir três depoimentos de testemunhas, a equipe policial foi identificado o suspeito como "Pato Rouco". As investigações apontara que, para cometer o crime, ele obteve um capacete emprestado de uma senhora, para praticar o crime. Com as apurações, o outro envolvido no crime também foi identificado e teve sua prisão solicitada à Justiça. As investigações do caso prosseguem.
            

Polícias Civil e Militar desarticulam ponto de produção e venda de drogas em Santo Antônio do Tauá

Preso
Apreensões


As Polícias Civil e Militar desarticularam um ponto de fabricação de drogas, que resultou na prisão de Fábio da Costa Pereira, em Santo Antônio do Tauá, nordeste paraense.
A partir de investigações coordenadas pelo delegado Cleyton Costa, foi identificado um laboratório de fabricação de entorpecentes escondido em uma área de difícil acesso, localizado no bairro do Barro Branco.

Durante a operação, foram apreendidas 143 petecas de pasta base de cocaína, além de uma quantidade da droga que ainda iria ser dividida.

No local, foram encontrados também diversos materiais químicos utilizados para a fabricação da droga.

Segundo informações do delegado Cleyton Costa, os traficantes faziam todo o preparo da substância e, após a divisão, os entorpecentes em formato de petecas eram distribuídos e vendidos na cidade. Ele acrescentou ainda que as investigações irão continuar para identificar os demais envolvidos no crime. Fábio da Costa Pereira foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico e está preso à disposição da justiça.





Crimes assustam moradores de Bragança

Crimes assustam moradores  de Bragança (Foto: Fabrício Bragança / divulgação)


Moradores do município de Bragança, na região nordeste do Pará, estão assustados com a crescente violência que tomou conta da cidade neste mês de dezembro, que entra para a estatística até agora como o mês mais violento da história com onze mortes violentas, sendo seis causados por acidentes de trânsito, quatro homicídios e um latrocínio.

O município, ante então pacato e listado como um dos pontos turísticos do Estado do Pará, se vê agora na lista dos mais violentos em que pese o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Polícia Militar não consegue evitar os crimes devido o efetivo reduzido, como em todos os municípios do Pará.

Nesta quinta-feira (18), para aumentar ainda mais os índices de violência em Bragança, duas mortes violentas marcaram o dia do bragantino. Na feira livre da cidade durante uma bebedeira dois homens se desentenderam e partiram para o desforço físico.

Segundo testemunhas que estavam em um lugar conhecido como “salgadeira, na feira livre de Bragança a vítima que seria pescador estava bebendo com vários homens entre eles um não identificado e de repente eclodiu uma acalorada discussão entre os dois homens com eles partindo para a briga.

Como levava desvantagem na briga, o homem que estava armado com uma faca peixeira escondida debaixo da camisa, sacou da arma branca e esfaqueou gravemente José Ribamar Pereira da Silva, isso em plena luz do dia sob os olhares de dezenas de pessoas.

A vítima foi carregada e colocada em um banco da praça enquanto populares acionaram uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros que ao chegar no local ainda prestaram socorro a José Ribamar Pereira da Silva, porém este não resistiu e acabou morrendo.

O fato juntou muitos curiosos no local, mas ninguém sabe para onde o autor do crime se escondeu. Ele seria também pescador e segundo a PM pode ter tomado alguma embarcação de saída do porto de Bragança e fugido para local incerto e não conhecido.

O segundo crime do dia em Bragança ocorreu no bairro Vila São Pedro, na entrada da cidade. Edilson Aquino de Sousa conhecido como “Neguinho” teria sido vítima de latrocínio depois um homem conhecido como “Romilson” o abordou na tentativa de roubar seus pertences.
Edilson tentou reagir para não entregar seus pertences e acabou esfaqueado na altura do peito por “Romilson”, que portava uma faca morrendo antes mesmo do socorro ser acionado.

Os dois crimes foram em plena luz do dia desta quinta-feira (18) e com muitas testemunhas. “Romilson” mesmo identificado por testemunhas que presenciaram o crime também conseguiu fugir, estando a Polícia Militar no encalço dos dois criminosos.

Tanto o homicídio como o latrocínio foram registrados na Delegacia de Polícia Civil de Bragança que abriu inquérito para apurar o homicídio e quanto ao latrocínio a justiça pediu a prisão preventiva de “Romilson” que também é acusado de vários assaltos no município.
(Diário do Pará)


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

A partir de 2015, em São Miguel do Guamá o governo municipal não permitirá o descarregamento de forma aleatória ou em qualquer horário.

A partir de 2015, o governo municipal não permitirá o descarregamento de forma aleatória ou em qualquer horário.

As transportadoras que fornecem e abastecem os supermercados, lojas e outros seguimentos, a partir do ano que vem terão que se adequar as novas regras e medidas que serão tomadas pelo Poder Público de São Miguel do Guamá.

A decisão, que para muitos, deve ser considerada impopular, vai beneficiar ainda mais o trânsito do munícipio. De acordo com infamações do Secretário de Administração, trata-se de uma medida que regulará, especialmente o trânsito de grandes transportes que atuam cidade.

Em 2015, as transportadoras, terão horários para descarregarem os seus respectivos produtos, uma vez, que o executivo municipal não permitirá os descarregamentos aleatórios e em qualquer o horário.

“É certo que isso precisa estar normalizado através de Decreto de Lei ou Decreto para aplicação de penalidade”, destacou o Secretário de Administração, assim que foi questionado sobre o assunto.

A confirmação das novas medidas foi confirmada pelo próprio prefeito, na última quinta-feira, após a inauguração de uma Agencia Bancaria em São Miguel do Guamá.