quinta-feira, 5 de março de 2015

Madeira ilegal é apreendida durante fiscalização em Dom Eliseu

Madeira ilegal é apreendida durante fiscalização (Foto: Divulgação/PRF)

Uma carga ilegal de 21 metros cúbicos de madeira serrada, que era transportada por um caminhão, foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na madrugada de desta quarta-feira (4). O flagrante de crime ambiental aconteceu no município de Dom Eliseu, região nordeste do Pará.

O caminhão foi abordado no quilômetro 19 da rodovia BR-010 e durante a fiscalização os agentes da PRF descobriram que o condutor não portava nota fiscal e nem guia florestal, documentos obrigatórios para o transporte de produto florestal.

O condutor do caminhão, identificado como Sérgio Soares da Silva, de 36 anos, foi detido e liberado após assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). O veículo e a carga de madeira ficaram retidos no posto da PRF em Dom Eliseu, onde estão a disposição dos órgãos ambientais para aplicação das medidas legais cabíveis.

(DOL com informações da PRF)

TRIO É PRESO POR TRÁFICO E HOMICÍDIOS



Três pessoas, que estariam envolvidas diretamente com o tráfico intermunicipal de drogas e com homicídios, foram presas na tarde de ontem por policiais civis do Núcleo de Apoio a Investigação (NAI) e da Superintendência Regional da Zona do Salgado (SRZS).

Os investigadores Nivaldo e Junior, sob a coordenação do delegado Luiz Xavier, saíram de Castanhal, no nordeste paraense, com destino ao Distrito Industrial de Ananindeua, região metropolitana de Belém, para prender Laila Liane Franco de Alencar, 18, e o esposo dela, Ronilson Feitosa da Silva, mais conhecido por "Cabal", de 27 anos. Na casa deles, situada na Travessa Dom Bosco, foram encontradas dez petecas de pasta base de cocaína. A polícia acredita que o casal tenha conseguido se desfazer da maioria dos entorpecentes, pois, de acordo com investigações, Laila, que já possui passagem por assalto a residência, e Ronilson seriam alguns dos principais distribuidores de drogas da capital e do interior do Pará.

Em Castanhal, a mesma equipe, com o apoio dos investigadores Monteiro e Alex Moraes, cumpriu mandado de prisão preventiva expedida pela justiça contra Dijavam Marinho de Oliveira, o "Dêca", de 26 anos, acusado de ter cometido pelo menos sete assassinatos, somente na cidade "Modelo". Uma das execuções, que teria sido praticada por Dijavam, aconteceu no final do ano passado, no bairro Oscar Reis, onde Ivanilson Oliveira da Luz, 25, foi morto com vários tiros na frente da esposa e do filho de apenas cinco anos de idade.

"O Dijavam, conhecido também por ‘Dêca’ faz parte do mesmo grupo comandado pelos traficantes Ronilson e Laila; então ele agia como um cobrador do tráfico. Quem não quitava a conta, acabava sendo assassinado sem piedade. No caso de Ivanilson, ele foi morto porque discutiu com uma traficante", explicou o delegado Patrício Pontes, titular da Divisão de Homicídios.

Os homens foram transferidos para o presídio de Castanhal e a mulher ficará à disposição da justiça no Centro de Recuperação Feminino (CRF), em Ananindeua.


Reportagem: Tiago Silva

PM PRENDE ACUSADO DE ASSALTAR PREFEITURA DE IRITUIA

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
A Polícia Militar prendeu um de dois assaltantes que roubaram R$ 97 mil da prefeitura de Irituia do Pará. A ação criminosa ocorreu no meio da tarde da última sexta-feira (27) quando dois homens, um deles armado de uma submetralhadora, invadiram o prédio público e arrombaram a porta da sala da tesouraria, no momento em que acontecia o pagamento de funcionários contratados. A dupla utilizou uma motocicleta modelo Broz, cor preta, para fugir em alta velocidade com toda a grana.

No início da manhã de ontem, o sargento Borcem obteve a informação privilegiada de que um dos autores do roubo se encontrava refugiado em uma residência situada no bairro do Paredão, em São Miguel do Guamá, no nordeste paraense. Diante das informações, o comandante de Irituia e sua equipe se deslocaram para o município vizinho e conseguiram prender o acusado, que ainda estava com a mesma motocicleta utilizada na fuga.

Gilson de Sousa Gomes, 21 anos, foi reconhecido pelas vítimas como sendo um dos assaltantes. Ele foi apresentado na delegacia de Irituia do Pará e ouvido pelo delegado de plantão. Se comprovado, Gilson responderá pelo crime na cadeia. O dinheiro e a submetralhadora estariam em poder do segundo assaltante, identificado pelo prenome de Jefferson, que ainda se encontra foragido.


Reportagem: Tiago Silva

terça-feira, 3 de março de 2015

Por causa de um curió homem matou ex-cunhado no município do Bonito

Desentendimento banal deixa uma vítima fatal na Vila do Travessão de L

Por volta das 8 horas da manhã desta terça-feira dia 3, um homem identificado como Manuel Civaldo Campos, de 32 anos, foi assassinado na Vila do Travessão do L, na zona rural do município de Bonito, no nordeste paraense.

Segundo informações, uma rincha antiga com seu ex-cunhado, identificado apenas como Josué, vulgo Josa, teve um desfecho trágico após um desentendimento banal, ainda segundo testemunhas o acusado teria entrado no terreno da vítima para capturar um "Curió", pássaro nativo da região.

Após o desentendimento, Josué foi até o local de trabalho da vítima e munido com uma faca desferiu um único golpe na alta do abdome da vítima, a qual não resistiu a gravidade dos ferimentos e veio a óbito ainda no local.

A Polícia Militar realizou incursão nos ramais que dar acesso aos vilarejos, mais não conseguiu localizar o acusado.


O Instituto Médico Legal (IML) e a Polícia Civil estiveram no local realizando os procedimentos de praxe.


Fonte Click Pará

Idosa é presa em flagrante por tráfico de drogas

Idosa é presa em flagrante por tráfico de drogas  (Foto: Reprodução /Twitter )

Uma idosa identificada como Rosalina Santana dos Santos Pinto, de 64 anos, foi presa nesta terça-feira (03), por tráfico de drogas. A idosa foi presa em sua residência, localizada na Quadra 64, do conjunto Paar, no município de Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, onde a polícia encontrou maconha.

A prisão aconteceu após a Polícia Civil receber várias denúncias anônimas, dizendo que na residência era um comércio de drogas. O neto da idosa, de 14 anos, esteve na delegacia tentou assumir a culpa, dizendo que era o proprietário da drogas, mas a polícia não acreditou na versão.

A idosa foi autuada por tráfico de drogas.


(DOL com informações de Michele Daniel/Diário do Pará)

POLÍCIA APREENDE ARMA DE FOGO EM INHANGAPI



Outra apreensão de arma de fogo foi em Inhangapi, no nordeste paraense. Jeidson Renan Oliveira dos Santos foi detido dentro da sede dos comerciários do município portando um revólver calibre 38 contendo três munições intactas.

Seu comparsa, identificado apenas pelo prenome de Jhonatam, se jogou em um rio para escapar da prisão. O sargento Levi, comandante do 35º Pelotão, acredita que a dupla pretendia praticar roubos no local.
           
Reportagem: Tiago Silva

TRIO É DETIDO COM ARMA DE FOGO EM CASTANHAL





No final de semana, três homens que pretendiam cometer assaltos em dois municípios do nordeste paraense foram detidos por policiais militares que ainda conseguiram apreender uma arma de fogo municiada. Os suspeitos foram localizados após terem sido denunciados por populares, via fone 190.

A primeira detenção ocorreu na zona rural de Castanhal, depois que moradores ligaram para o Núcleo Integrado de Operações (Niop) informando que um sítio situado na Agrovila São Raimundo corria o risco de ser assaltado por três indivíduos que rondavam a propriedade rural em atitude suspeita.

A informação foi repassada ao grupamento Ronda Ostensiva Com Apoio de Motos (Rocam) que durante o deslocamento avistou três suspeitos trafegando em duas motos por um ramal que dá acesso ao sítio.

O trio foi abordado e na cintura de Deivison André Lima da Sila, 19, foi encontrado um revólver calibre 32 com seis munições, sendo que três delas estavam deflagradas.

Deivison, que já possui passagem pela justiça por tentativa de homicídio, foi conduzido à delegacia do centro de Castanhal para ser autuado por crime de porte ilegal de armada de fogo.

Ele já se encontra à disposição da justiça. Antônio Nazareno Gomes da Silva, 21, e um adolescente de 17 anos foram ouvidos como testemunhas e liberados logo em seguida.

Polícia Civil prende envolvidos em pontos de tráfico de drogas em Capanema


Operação

A Polícia Civil deflagrou a operação "Calcarius" para dar cumprimento a mandados de busca e apreensão em Capanema, nordeste paraense.

Três homens foram presos, durante a operação, nesta terça-feira, 3, por envolvimento em tráfico de drogas e associação para fins de tráfico de drogas.

Os presos são Jamerson Carlos de Souza, 24 anos; Rosemeire de Albuquerque Lobato, 35, e Carlito Barbosa de Sousa, 32. Com os presos, drogas diversas foram apreendidas, além de dinheiro e material usado no preparo do entorpecente.

Sob comando da Superintendência da Região Integrada de Segurança Pública do Caeté, sob coordenação do delegado Augusto Damasceno, a ação policial contou com 30 policiais civis e militares.

Segundo o delegado Damasceno, a operação policial integrada foi resultado de investigações sobre pontos de tráfico de drogas na cidade. Com o levantamento feito foi possível identificar os responsáveis por esquemas de venda de drogas ilegais em bairros da cidade.

Assim, com apoio de policiais civis de cidades da região nordeste do Pará, as equipes policiais foram a campo para dar cumprimento a sete mandados de busca e apreensão, cada um, relativo a um ponto de venda de drogas.


Os presos já estão recolhidos à disposição da Justiça. Toda droga apreendida com os acusados foi encaminhado para perícia.

Polícia Civil divulga resultados de operação que apreendeu oito motos irregulares em Capanema


Operação em Capanema

A Polícia Civil divulgou os resultados da operação "Minerva", realizada no último final de semana, em Capanema, nordeste paraense.

Ao todo, foram apreendidas oito motos por irregularidades. Uma delas apresentava registro de roubo e assim o condutor foi preso em flagrante por crime de receptação.

O trabalho foi desempenhado por policiais civis, militares, agentes de trânsito do Detran e do Demutran (Departamento Municipal de Trânsito de Capanema).

Desde condutores de motos, bicicletas, pedestres e pessoas em bares foram revistadas, no período noturno.


Ações como essas serão realizadas novamente em outras datas para prevenir e reprimir irregularidades no trânsito e ainda combater práticas criminosas no município.